mergulhem-se

terça-feira, 21 de agosto de 2012

Poema XIV, Roberto Piva

vou moer teu cérebro. vou retalhar tuas
                      coxas imberbes & brancas.
           vou dilapidar a riqueza de tua
                      adolescência. vou queimar teus
                      olhos com ferro em brasa.
                vou incinerar teu coração de carne &
                                 de tuas cinzas vou fabricar a
                                 substância enlouquecida das
                                           cartas de amor.





de "20 Poemas com brócoli", Roberto Piva

2 comentários:

Expedito Gonçalves Dias disse...

Bonito e forte. Lancinante!
Abraços!

Julia Mendes disse...

Como o Piva costuma ser.
Abraços, querido.

Julia